Empréstimo consignado: espera de 3 meses para novos aposentados

empréstimo consignado - espera de 3 meses para novos aposentados

Quem acaba de se aposentar e já pensa em pegar um empréstimo consignado, terá que esperar 3 meses.

De acordo com a nova regra, não é mais permitido um recém-aposentado pegar uma quantia antes de 90 dias. O decreto foi anunciado no final do ano passado e entrou em vigor no fim de março. Além disso, as instituições financeiras estão proibidas de oferecer o serviço durante os seis primeiros meses aos novos beneficiários.

Esta medida é uma forma de coibir o assédio dessas empresas, pois a pessoa aceita sem ter se informado direito. Os bancos já têm a informação de que o cidadão possui a concessão de empréstimo consignado e liga antes mesmo da pessoa ter conhecimento do assunto.

Porém, a proibição não é uma maneira tão eficaz de o beneficiário não cair em uma cilada logo de cara. As financeiras acessam os dados da pessoa sem autorização do INSS, ou seja, houve uma quebra de sigilo.

Quem for assediado antes do prazo de 180 dias por esses bancos pode fazer uma denúncia na ouvidoria do INSS. É importante se reportar ao órgão numa forma de prevenção e entender até como essas empresas chegam até o beneficiário.

Mas todas essas medidas cautelares não significam que após o prazo, os bancos não procurem os recém-aposentados. A busca é apenas adiada. Porém, na visão de especialistas é uma maneira do cidadão identificar se realmente necessita daquela quantia tão imediata.

COMO DRIBLAR A PROCURA POR UM EMPRÉSTIMO

Muitos beneficiários do INSS acham que pegar um empréstimo consignado a juros mais baixos seja a melhor solução. Mas nem sempre é.

A primeira pergunta a se fazer é: eu preciso mesmo pegar um dinheiro nesse momento? Para qual finalidade é? Para mim mesmo ou para ajudar um parente ou amigo em apuros?

Após responder a todas essas perguntas, vamos aos fatos. Se a pessoa quer pegar uma quantia pensando que conseguirá manter o padrão de vida anterior está redondamente enganado. O indivíduo se endividará e jamais chegará ao patamar financeiro de quando possuía um salário maior.

Se for para ajudar um parente ou amigo que está endividado, tem que pensar que esta pessoa não conseguirá pagá-lo. É difícil, mas aprender a dizer não nesses casos é melhor maneira de você também não adquirir uma dívida.

CRIAR UMA PLANILHA MENSAL

Uma dica eficaz é o novo beneficiário colocar numa planilha ou anotar em um papel todos os seus gastos mensais. Ao saber todos os seus gastos e para quais finalidades, pode até descobrir que possui mais dinheiro do que pensava. Porque a pessoa passa a enxergar que desperdiçava dinheiro em algo de que não precisava e substitui por outra emergencial.

Além de todos esses fatores, o recém-aposentado vai aprender que pode viver com menos, cortando supérfluos de anos anteriores. Mas caso necessite mesmo de um empréstimo consignado, já saberá quanto que contrato influenciará no seu bolso.

Ao decidir contratar um empréstimo consignado é de suma importância que procure uma banco sério e que faça parte da lista de instituições financeiras reconhecidas pelo INSS. A listagem completa está disponibilizada no site do órgão público.

*Foto: Divulgação/Previdência Social